Dr. Flávio Gonçalves

Eu Sou Europeu

No dia 16 de maio  decorreu o Concurso “Eu sou Europeu” do Espaço Europa supervisionado pela Representação da Comissão Europeia em Portugal . Vinte alunos alunos deslocaram-se a Lisboa acompanhados das professoras Anabela Torre, Antónia Ferreira e Elisabete Martinho.

Deixamos alguns desses momentos.

 

 

Os Piratas

No dia 16 de abril, os alunos do 6º ano foram ao teatro, ver a obra “Os Piratas – teatro” de Manuel António Pina, obra recomendada pelo Plano Nacional de Leitura.

Podem ler mais sobre o assunto no jornal online do nosso Agrupamento.

http://www.wikijornal.com/asemente/Artigo.asp?id=17937&d=%93os_piratas%94


Teatro “As rainhas Magas”

Decorreu no dia 24 de janeiro, no auditório, da Escola Básica Dr. Flávio Gonçalves a dramatização da peça de teatro “As rainhas Magas” de Ana Maria Magalhães e Isabel Alçada.

Os atores desta peça foram alunos de vários anos escolares, desde o 6.º ao 9.ºs anos de escolaridade.

Os espetadores da peça foram os alunos do 1.ºciclo das escolas Nova e Desterro e ainda, o jardim de infância.

E como o Natal é sempre que o homem quiser!, os alunos tiveram ainda oportunidade de participar no momento de animação  (muito divertido!) realizado pelos professores de Música e EMRC da escola Dr. Flávio Gonçalves.

Continuámos a festejar o Natal, desta feita com a apresentação da peça a toda a comunidade escolar, tendo assistido à referida peça,  Encarregados de Educação/Pais, vários professores,  a diretora e a vicediretora do agrupamento.

A todos o nosso muito Obrigada!

 


15 de janeiro – dia do Perfil do aluno

O novo Perfil dos Alunos à Saída da Escolaridade Obrigatória entrou em vigor em julho e é um “referencial para as decisões a adotar por decisores e atores educativos ao nível dos estabelecimentos de educação e ensino e dos organismos responsáveis pelas políticas educativas, constituindo-se como matriz comum para todas as escolas e ofertas educativas no âmbito da escolaridade obrigatória, designadamente ao nível
curricular, no planeamento, na realização e na avaliação interna e externa do ensino e da aprendizagem”. (Despacho n.º 6478/2017, 26 de julho)

 Podem consultar o perfil em site

 A nossa biblioteca comemorou este dia  através da divulgação do conteúdo do  documento “Perfil dos Alunos à saída da escolaridade obrigatória”.


A viúva e o papagaio

Ainda no mundo das estórias e no âmbito  das Metas Curriculares de Português do  5.º ano de escolaridade, entre os dias 23 de outubro e 4 de novembro, contámos com a presença da contadora de estória Ana Esteves. Desta feita, para nos contar a “Viúva e o Papagaio” de Vírginia Wolf.

12

Destacamos os professores envolvidos na atividade foram Adelaide Fernandes, Cristina Ferreira , Conceição Lages, Maria de Jesus Machado, Maria do Sameiro Carvalhido e as professoras bibliotecárias do agrupamento, Anabela Torre e Cláudia Cruz. Contámos ainda com o apoio da funcionária da BE Fátima Simão.
Participaram na As turmas dos 5.ºs anos assistiram ao evento  e mantiveram uma postura de fascínio até ao seu término.

 


Contadora de estórias – “O meu pé de Laranja Lima”

Ainda no âmbito do MIBE, a contadora de estórias- Ana Esteves veio apresentar a obra “O meu pé de Laranja Lima” de José Mauro de Vasconcelos.

Participaram neste momento todas as turmas do 9.ºano de escolaridade aompanhados pelas professoras de Português Armandina Afonseca e Paula Lima.

 


Jornadas Europeias do Património Histórias da Terra e do Mar na Póvoa de Varzim

O nosso Agrupamento participou nas  Jornadas Europeias do Património 2017  que decorreram entre os dias 22 a 24 de Setembro na Biblioteca Municipal Rocha Peixoto.

IMG_2427

Estas Jornadas foram subordinadas ao tema Património e Natureza.  “Este tema pretende chamar a atenção para a importância da relação entre as pessoas, as comunidades, os lugares e a sua História, mostrando como o património e a natureza se cruzam nas suas diferentes expressões – mais urbanas ou mais rurais – e para a necessidade de preservar e valorizar esta relação, fundamental para a qualidade da vida, para a qualificação do território e para o reforço de identidades. A relação Património e Natureza  pode ser uma fonte inesgotável de conhecimento, de criatividade e de recreação, e nela reside um enorme potencial para um desenvolvimento cultural, social e económico equilibrados.”

Os alunos assistiram à iniciativa O Mar na Toponímia Poveira, atividade lúdica pedagógica alusiva à cultura marítima patente na Toponímia poveira que evoca lugares, feitos, heróis e personalidades ligadas ao Mar e à comunidade piscatória.

 


Formação de delegados

No âmbito do  Plano de Ação Estratégica (PAE) realizou-se no dia 3/10 e 4/10, a formação de delegados de turma: “no sentido de desenvolver um perfil consentâneo com o papel que este deve desempenhar na prevenção e diagnóstico de comportamentos disruptivos e de indisciplina (2º e 3º ciclos).

 

 


Formação de utilizadores

Decorreu ao longo da semana de 25 a 29 de Setembro, na biblioteca escolar, a formação de utilizadores destinada a todos os alunos do 5.º ano de escolaridade.

O objetivo desta atividade foi apresentar aos alunos a biblioteca da escola, nomeadamente os objetivos de cada uma das diferentes áreas de trabalho.

Os alunos realizaram, em grupo, um bibliopaper para sintetizarem a informação dada pelas professoras bibliotecárias e a ajuda da assistente operacional da biblioteca.

Os alunos estão todos de Parabéns! Não só realizaram o bibliopaper com muita dedicação como mantiveram um comportamento exemplar.

 

Anúncios